• Crislaine Güetter

Pesquisadores aplicarão 250 testes rápidos em Cascavel

A partir desta quinta-feira (04) até sábado (06), será realizado em Cascavel a pesquisa Epicovid-19, fruto de uma parceria do Ibope Inteligência e a Universidade Federal de Pelotas. O estudo visa mensurar a proporção de casos de coronavírus (Covid-19) no Brasil. Para ter números mais precisos, os pesquisadores aplicarão 250 testes rápidos na população do Município, que foi um dos 133 escolhidos para essa pesquisa nacional. Esta é a segunda etapa da Epicovid-19, a primeira testou 248 cascavelenses e resultou em apenas um caso confirmado. Ao todo, a pesquisa tem três fases. A orientação da Secretaria Municipal de Saúde é que os cascavelenses colaborem com a pesquisa e se submetam ao teste. A pesquisa não tem um determinado ponto da cidade para ocorrer, uma vez que é realizada por sistema estatístico de amostragem.

Durante a visita, os pesquisadores coletam uma gota de sangue da ponta do dedo do participante, que será analisada pelo aparelho de teste em aproximadamente 15 minutos. Em caso de resultado positivo, os profissionais comunicam a Vigilância Epidemiológica local.


IDENTIFICAÇÃO Os pesquisadores que realizam as visitas estão identificados por um crachá do Ibope Inteligência e utilizam os equipamentos de proteção individuais (EPIs): máscaras, toucas, aventais, sapatilhas (todos descartáveis), óculos de proteção e luvas. Todos os pesquisadores são testados e apenas aqueles que tiverem resultado negativo realizam as visitas domiciliares. O estudo tem aprovação da Comissão Nacional de Ética em Pesquisa e cumpre todos os requisitos de segurança necessários, para proteger os pesquisadores e a população.




75 visualizações

Receba nossas atualizações

  • Branca Ícone Instagram
  • Ícone do Facebook Branco

© 2020 Secretaria de Comunicação Social de Cascavel