• Luiz da Cruz

Médico infectologista alerta: antes e depois de manusear a máscara lave as mãos

Nesta quarta-feira (8), órgãos públicos do Município iniciaram um processo de fiscalização para exigir da população que utilizem máscara caseira ao sair para o trabalho ou para adentrar em estabelecimentos comerciais. O objetivo é promover a chamada “barreira mecânica” contra o novo coronavírus.

A proteção facial deve seguir algumas regras para que o equipamento não perca a sua eficácia na hora de manusear ou até mesmo ajeitá-la no rosto.

O médico infectologista do Centro de Doenças Infecto-Parasitárias da Secretaria de Saúde de Cascavel (CEDIP), Dr. Roberto Ferreira Oizumi, destaca que a manipulação da máscara é o principal cuidado a ser observado. “Após colocá-la, evite tocar, pois isso acaba com a efetividade e o funcionamento da proteção; assim a pessoa pode se contaminar”, explicou o médico.

“Caso seja necessário fazer algum ajuste, de repente a máscara está caindo ou não ficou adequada ao rosto, ou, depois de um tempo de uso, o equipamento começa a incomodar, a pessoa deve ter o cuidado de higienizar as mãos antes do ajuste da máscara e depois de fazê-lo”, ressalta o infectologista.

Confira as regras para manuseio da máscara:

1) Lave as mãos com água e sabão, antes de colocar a máscara;

2) Utilize as alças da máscara para colocá-la no rosto;

3) Evite tocar na parte interna da máscara; por isso, o manuseio deve ser feito pela parte externa, com as alças;

4) Após o ajuste no rosto, lave as mãos com água e sabão novamente;

Observação: Em caso de desconforto (máscara caindo, incomodação) repita o processo número 1: lave as mãos com água e sabão, antes de manuseá-la e posteriormente as demais instruções.


50 visualizações

Receba nossas atualizações

  • Branca Ícone Instagram
  • Ícone do Facebook Branco

© 2020 Secretaria de Comunicação Social de Cascavel